Como faz

Descarte de dispositivo eletrônico: descubra como fazer corretamente

Compartilhar
Descarte de dispositivo eletrônico: descubra como fazer corretamente

Descarte de dispositivo eletrônico: descubra como fazer corretamente

Publicado em 18 de setembro de 2018

O descarte irregular de lixo eletrônico pode causar uma série de danos ambientais. As substâncias presentes principalmente nas baterias  e componentes de dispositivos tecnológicos podem causar severos danos ambientais, contaminando a água do subsolo, o solo e, quando queimados, a atmosfera. Alem disso, podem causar severos danos à nossa saúde.

Nesse contexto, muitas pessoas acabam descartando seus smartphones antigos e baterias de forma errada. Se você já se pegou perguntando como se desfazer de seus equipamentos eletrônicos, continue a leitura e saiba como realizar o  descarte correto desses materiais, sem colocar em risco o meio ambiente e, consequentemente, nossa saúde.

Ao longo do texto, você descobrirá como jogar fora celulares quebrados e outros aparelhos. Vamos lá?

O que é lixo eletrônico?

Antes de tudo, é oportuno saber o que é, de fato, um lixo eletrônico. Em suma, pertence a essa categoria todo o lixo associado a aparelhos eletrodomésticos e eletroeletrônicos. Isso também se aplica aos componentes desses objetos, como cabos, baterias e acessórios em geral.

Em poucas palavras, são os resíduos resultantes de equipamentos eletrônicos monitores, mouses, pilhas, objetos magnetizados e assim por diante.

De acordo com dados levantados pelo Global E-waste Monitor 2017, divulgados em matéria publicada pela revista Exame, no ano de 2016, o mundo gerou nada menos que 44,7 milhões de toneladas de lixo eletrônico. Em comparação com 2014, houve um acréscimo de 3,3 milhões de toneladas, isto é, 8%.

O que deixa esses números ainda mais assustadores é o fato de que apenas 20% — algo próximo a 8,9 milhões de toneladas — desse total foi reciclado. Se essa tendência persistir, a produção desse tipo de sucata pode chegar a 52,2 milhões de toneladas em 2021. São quantias bastante significativas, concorda?

Quais impactos ele causa ao meio ambiente?

lixo eletrônico

Um monitor de computador, por exemplo, leva cerca de 300 anos para se decompor

O principal motivo para não jogar esse tipo de entulho por aí é o tanto de impacto que ele pode causar ao meio ambiente. Conforme mostramos no tópico anterior, apenas uma pequena parte desse lixo passa por um processo de reciclagem efetivo. Consequentemente, o restante é jogado em locais inapropriados, com lixões e aterros a céu aberto. E se você pretende deixar um mundo melhor para seus filhos e netos, é fundamental levar isso em consideração.

Grande parte desses aparelhos é composta por metais pesados e outros materiais poluentes. Pouquíssimos desses elementos prejudiciais são biodegradáveis, ou seja, não são absorvidos de maneira saudável pela natureza. Assim, lençóis freáticos e rios podem ser poluídos facilmente.

Além disso, com o volume crescente de produção e, por consequência, de descartes incorretos, o meio ambiente tende a se prejudicar cada vez mais.

Muitas pessoas acreditam que os prejuízos atingem somente a natureza. Porém, a saúde humana também passa a correr sérios riscos com esse tipo de poluição eletrônica. A contaminação de metais pesados já assola diversas populações espalhadas pelo mundo e, em especial, o continente africano.

Composição de eletrônicos e risco à saúde humana

Confira abaixo uma pequena amostra dos estragos que o descarte incorreto dos dispositivos eletrônicos pode causar à nossa saúde:

A boa notícia é que, tomando os devidos cuidados, há como evitar que esse problema se torne ainda mais complicado. Veja, no próximo tópico, como você pode ajudar.

Como fazer o descarte de dispositivos eletrônico?

descarte de dispositivo eletrônico

Um simples chip eletrônico precisa de 72 gramas de substâncias químicas 32 litros de água para ser produzido

Vá aos locais corretos

Em vez de recorrer às lixeiras recicláveis tradicionais, você precisa ir aos locais certos para jogar o seu lixo eletrônico fora. Por isso, em casa, separe-o dos lixos comuns, recicláveis e orgânicos.

Existem empresas especializadas justamente na coleta desse tipo de material. Você também pode procurar cooperativas de reciclagem ou universidades e escolas. Nesses lugares, é possível encontrar projetos específicos para o descarte de lixos eletrônicos, a fim de poupar o meio ambiente.

Contate o fabricante

Caso não encontre nenhuma dessas opções nas proximidades, outra alternativa é contactar as empresas que fabricaram os produtos a serem descartados.

Afinal, algumas delas contam com pontos de coleta desenvolvidos exatamente para essa finalidade. Assim, você terá a certeza de que os objetos receberam o encaminhamento correto e não serão descartados de maneira inadequada.

Ao tomar esses cuidados, você colabora com a preservação do meio ambiente. Sendo assim, não se esqueça de proteger seus aparelhos e tente utilizá-los ao máximo, para ajudar a diminuir o volume de produção de lixo.

O descarte de lixo eletrônico, quando feito da forma correta, ajuda a manter o lugar no qual vivemos em boas condições para as próximas gerações.

Compartilhe esse post com seus amigos e em suas redes sociais e espalhe essa importante mensagem. E parabéns por se preocupar e tomar essa inciativa tão importante pro meio ambiente!

Assine a nossa newsletter

Receba as melhores dicas pro seu celular, internet e casa. E mais: conteúdos sobre séries e games


Últimas publicações